sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Na vida que levo
relevo – não me atrevo
dá sorte trevo?



1 comentários:

valeria soares disse...

Não acredito que dê, mas seu poema tá lindo!!!
Bom fim de semana!

Postar um comentário